Saiba tudo sobre a Zona Oeste do Rio.
praia-do-perigoso-1

Conheça a Zona Oeste do Rio: Os melhores programas e pontos turísticos do outro lado da cidade.

 

recreio-dos-bandeirantes
(Recreio dos Bandeirantes | Foto Reprodução Google)

Chegamos ao último artigo da série sobre o Rio de Janeiro! E depois de falar sobre a Zona Sul, a Zona Norte e o Centro, por último e não menos importante falaremos da querida e enorme Zona Oeste do Rio de Janeiro.

A Zona Oeste é a região mais afastada do centro urbano da cidade do Rio de Janeiro, e a maior em extensão. Composta por 41 bairros, a região hoje abriga uma agitada vida noturna e diversas outras opções de lazer.

Dona de praias incríveis, cachoeiras, trilhas e até mesmo uma ilha bem charmosa. Além, é claro, da noite super agitada com diversas opções de bares e boates. Uma verdadeira ebulição.

Bora comigo?

Neste artigo você vai ver:

  • Como chegar na Zona Oeste do Rio de Janeiro
  • Quanto tempo ficar na Zona Oeste do Rio de Janeiro
  • O que fazer na Zona Oeste do Rio de Janeiro

COMO CHEGAR

O Rio de Janeiro possui dois aeroportos para a chegada de seus turistas, um fica localizado na área central, o Santos Dumont. E o outro, conhecido como Galeão – mas batizado de Aeroporto Internacional Tom Jobim, localizado na Ilha do Governador, Zona Norte do Rio.

Saindo do Santos Dumont

Partindo do Aeroporto Santos Dumont, você conta com o transporte público, ônibus executivos, táxi e Uber. 

– Táxi: na saída do aeroporto você encontra cooperativas, além também da possibilidade de pegar táxis comuns, com taxímetro. 

– Uber: Se optar pelo uber, fique atento ao ponto específico para embarque. Ele fica no shopping Bossa Nova Mall. 

– Se a sua escolha for o transporte público, há uma estação de VLT no Aeroporto. Você pode descer na estação da Cinelândia e fazer baldeação para o metrô. De lá você pega o trem sentido Jardim Oceânico – que é a estação do bairro da Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro. 

Atenção: para usar o VLT, você deve adquirir o Rio Card, um cartão recarregável que serve para todo o transporte público do Rio. O ideal é carregá-lo com um valor suficiente para realizar todos os trajetos que pretende fazer enquanto estiver na cidade. 

– Transfer: Outra opção é contratar o serviço de Transfer. Transfer é um serviço de carros – que podem ser privativos ou não – que te buscam na sua chegada ao aeroporto e te levam até o seu ponto de preferência na Zona Oeste, altura do Recreio ou Barra da Tijuca. Caso opte por esta opção, fale conosco que podemos te ajudar! 

Saindo do Galeão

– Transporte público/BRT: a linha TransCarioca Expressa liga o aeroporto à Barra da Tijuca. Na estação do aeroporto, você encontra uma máquina de autoatendimento para comprar o ingresso. 

– Táxi: no Galeão existem dois tipos de táxi, o comum e um táxi especial, com veículos mais caros. Os dois funcionam com preços tabelados, mas o táxi especial tem corridas de valor mais alto. 

– Uber: Se você escolher essa opção, o aplicativo irá te direcionar para a área de embarque do aeroporto. 

Transfer:  Transfer são serviços pré agendados para quem busca segurança, conforto e praticidade. Ele é ideal para quem não quer precisar procurar por um táxi ou ônibus, já que o motorista estará no próprio aeroporto aguardando seu desembarque. Desta forma, um carro privativo te leva até o seu ponto de preferência na Zona Oeste, altura do Recreio ou Barra da Tijuca. Caso opte por esta opção, fale conosco que podemos te ajudar! 

Carro

Vindo de Belo Horizonte, o trajeto possui cerca de 430km, em sua maioria percorridos na BR-040. Você passará pela parte serrana do Rio, bem cercado de mata. 

Vindo de São Paulo, são cerca de 400 km pela Via Dutra. É o meio mais rápido de chegar ao Rio, apesar de ter quatro pedágios nesse caminho. Se você vier pelo litoral norte de São Paulo, o acesso se dá pela Rio-Santos. 

Vindo do Espírito Santo ou de outros estados ao sul do Rio, o principal acesso é pela Rodovia BR-101.

Ônibus

A Rodoviária Novo Rio, que fica próxima ao Centro da cidade, tem saídas e chegadas diárias das principais viações brasileiras, como 1001, Itapemirim e São Geraldo. Lá, você pode pegar o VLT e descer em estações próximas ao metrô, onde você embarca sentido Jardim Oceânico. Mas na saída da rodoviária você também consegue pegar táxi ou uber.

QUANTO TEMPO FICAR

Para ter tempo de conhecer todas as praias e opções de lazer noturno que a Zona Oeste te oferece, você poderia morar no Rio de Janeiro, rs … Mas como sabemos que isso não é possível, recomendamos pelo menos 3 noites por aqui para tentar conhecer os principais pontos de lazer que ela oferece.

O QUE FAZER

Pedra do Telégrafo

A Pedra do Telégrafo é um pico muito conhecido aqui no Rio de Janeiro, famoso por suas fotos que viralizam nas redes sociais com pessoas fazendo poses divertidas e simulando estar penduradas.

pedra do telegrafo
(Pedra do Telégrafo | Foto Reprodução Google)

Localizada no Parque Estadual da Pedra Branca, em Guaratiba, Zona Oeste do Rio, para chegar na Pedra você precisará fazer uma trilha bem íngreme. Então, se você não for acostumado a trilhas, recomendo que faça acompanhado.

O visual é lindo e vale super a pena. Além de contemplar uma vista incrível, praias e – dependendo da hora – um lindo pôr-do-sol, você pode sair de lá com fotos incríveis e divertidas para bombar suas redes sociais rs

Abricó 

praia abrico
(Praia de Abricó | Foto Reprodução Google)

Única praia naturista da cidade do Rio de Janeiro, Abricó fica localizada no Parque Municipal do Grumari, no Recreio dos Bandeirantes, Zona Oeste do Rio.

A praia começou a receber seus primeiros frequentadores naturistas já na década de 40, mas só foi reconhecida oficialmente como praia de nudismo no ano de 2014.

A praia é muito bonita e a água limpa. Não se vê lixo no chão e não há muvuca. Para os mais tímidos, fiquem tranquilos, a praia é frequentada por idosos, jovens, mulheres, famílias, crianças.

Importante: Aos sábados, domingos e feriados, a nudez é obrigatória para todos os frequentadores da Praia de Abricó, inclusive para os vendedores. Nos demais dias da semana o uso de roupas é opcional, porém não recomendado.

Abricó é uma ótima pedida para quem busca viver uma experiência diferente, se conectar com a natureza e admirar uma linda paisagem.

Ilha da Gigoia

gigoia
(Ilha da Gigoia | Foto Reprodução Google)

Um paraíso escondido na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio. Pequenininha, dá para você conhecer a ilha toda em cerca de meia hora, mas se você é um amante de lugares pitorescos, bucólicos e cheios de charme, provavelmente vai passar mais tempo admirando cada detalhe. É um lugarzinho cheio de paz no meio de uma grande metrópole.

O principal atrativo da Ilha são seus bares e restaurantes, onde você aprecia diversos petiscos deliciosos – principalmente a base de frutos do mar – cervejas e um pôr do sol de tirar o fôlego, com a vista para a lagoa.

gigoia2
(Ilha da Gigoia | Foto Reprodução Google)

Se você quer conhecer o Rio de Janeiro sob um ponto de vista diferente, a Ilha da Gigoia é lugar indispensável no seu roteiro.

Para chegar na Ilha, é só descer na estação de metrô do Jardim Oceânico pela saída “lagoa”, logo você verá os barcos usados para a travessia – é preciso pagar um valor irrisório.

Grumari 

Uma das mais belas praias do Rio de Janeiro, Grumari fica localizada na Zona Oeste da cidade a uma distância de aproximadamente 40 km do bairro de Copacabana.  Se você estiver hospedado na região central ou na Zona Sul, a praia é considerada afastada, mas mesmo assim vale muito a pena o deslocamento.

grumari
(Praia de Grumari | Foto Reprodução Google)

Separada da praia de Abricó por uma parede de pedra localizada em seu canto esquerdo, a praia de Grumari fica dentro de uma reserva ambiental, daí a sua natureza exuberante e preservada. Para quem quer curtir um dia de sossego, com uma bela paisagem, lá é o lugar ideal.  

Além de tudo isso, a praia é muito propícia para a prática de surf, sendo procurada por muitos atletas que vão em busca de suas ondas.

Mas a melhor parte é que, apesar das ondas, perto da areia o mar é raso e calmo, ideal para relaxar e tomar um bom banho de mar.

Praia do Perigoso

Distante dos centros urbanos e recheada de paisagens intocadas, essa praia é um destino perfeito para quem ama uma praia mais rústica. Ideal para quem busca relaxar e se conectar com a natureza.

praia do perigoso
(Praia do Perigoso | Foto Reprodução Google)

A praia fica localizada na Barra de Guaratiba, Zona Oeste do Rio, e seu acesso se dá através de trilha ou de barco. 

Se decidir fazer o percurso por terra, seguirá por uma trilha de nível médio que dura cerca de 1h. Caso opte por ir de barco, existem boas opções de passeios de agências de turismo, assim como de barqueiros locais.

Com um amanhecer surpreendente, natureza preservada, a praia possui trilha que te leva à Pedra da Tartaruga ou a outras praias selvagens. Muitas pessoas acampam na praia e se você gosta de contato com a natureza, é o programa ideal.

Cachoeira do Mendanha

cachoeiradomendanha ig
(Cachoeira do Mendanha | Foto Reprodução Instagram @cachoeiradomendanha )

O Parque Municipal da Serra do Mendanha fica na zona oeste do Rio, entre os bairros de Campo Grande e Bangu e o município de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. 

Dono de uma natureza exuberante, possui diversas trilhas e cachoeiras e dá a sensação de estar em outro estado, como Ibitipoca, em Minas Gerais.

As águas da Cachoeira do Mendanha são as mais cristalinas do Rio e são, sem dúvida, as mais bonitas da cidade. 

Quem busca variar um pouco e fazer um passeio diferente de praia – que é o mais comum no Rio de Janeiro – a Cachoeira do Mendanha é o principal destino da cidade.

cachoeiradomendanha ig (2)
(Cachoeira do Mendanha | Foto Reprodução Instagram @cachoeiradomendanha )

Você pode chegar lá de carro ou de ônibus – linhas 895 ou 850 partindo de Campo Grande. Para maiores detalhes sobre o trajeto confira esse guia completo sobre a cachoeira clicando aqui.

Vida Noturna

Chegou a parte que todo mundo gosta: as baladas.

A noite da Zona Oeste é muito agitada e repleta de opções para os mais variados gostos.

Começando pela famosa Avenida Olegário Maciel, repleta de bares ao longo de sua extensão.

Diferente da maior parte da Barra da Tijuca – bairro onde fica localizada a Avenida – com suas grandes e largas avenidas à la Miami (o bairro é inspirado na cidade americana), a Olegário Maciel é considerada a rua mais democrática da Barra. Repleta de bares para os mais variados gostos, a Olegário é o ponto de encontro de grande parte dos moradores da região. O começo da rua fica a cerca de 1km do metrô Jardim Oceânico.

olegario maciel
(Av. Olegário Maciel | Foto Reprodução Google)

A seguir alguns dos famosos bares da rua: Padoca, Void, 399, Bar do Adão, Resenha, Praticità, Bar do Elias,  Steak Me, Guacamole, Seu Bar, Brewteco e Candice. Agora é só escolher qual faz mais a sua vibe e curtir a noite.

Outra atração da noite da região, localizada próximo à Olegário, é a Avenida Armando Lombardi, conhecida como a rua das boates. Nela você encontra diversas opções de casas noturnas para quem busca curtir madrugada adentro. Algumas das opções que você encontra por lá são: Boate All In, Vitrinni Lounge Beer, Zax Club. 

armando lombardi
(Av. Armando Lombardi | Foto Reprodução Google)

E pra quem pensa que praia é para ser curtida somente durante o dia, está muito enganado. A Praia do Pepê, na Barra, é recheada de quiosques e Beach Clubs que ocupam grande parte de sua orla. Então, fica aí a dica: além de curtir a praia de manhã – que é lindíssima e famosa pela prática de diversos esportes marítimos -, vá a sua orla também à noite e aproveite para tomar uma cervejinha à beira mar.

quiosque do pepe
(Quiosque do Pepê | Foto Reprodução Google)

E aí, o que achou da Zona Oeste? Já está pronto para vir para o Rio e conhecer todas as suas regiões?

Este foi o último artigo da série sobre o Rio de Janeiro e esperamos que tenha servido para você descobrir um novo Rio e ver o quanto de coisa dá para fazer nessa cidade maravilhosa que é muito mais do que o calçadão de Copacabana.

Para vir para o Rio ou fazer passeios pela cidade, contate-nos, oferecemos transfer, passeios, city tours e muito mais. Conheça o Rio com a Top Transfer. O serviço mais maravilhoso dessa cidade maravilhosa.

 

Comentários

Deixe uma resposta